Desatino


Ando com a cabeça e coração cheio de coisas que não me servem, pessoas que não são realmente amigas, estou triste por não poder confiar em ninguém, por tudo esta tão vazio, estúpido. Parece uma alegoria de horrores, todos tem suas sugestões sobre mim, mas apenas eu sei em partes o que sinto e penso, a outra parte esta em espirais infinitos.
Quando olho pelo retrovisor do passado vejo também ações, palavras, das quais me arrependo e quero fechar essas feridas que as vezes insistem em doer, as situação se desenrolam fora de controle e faltam palavras. Mas eu não sou vitima, pelo contrário foi tentando agir por mim mesma que feri a ambos os lados, por mais que eu não queira admitir, certas lembranças me perturbam em saber que poderia ser diferente agora, não adianta lamentar por nada, afinal as coisas tem suas maneira de seguir para alguma direção, sou réu confesso e culpada por mim mesma, mediante a tudo tenho que aceita o inaceitável, engolir a ignorância e viver me perguntando como alguém consegue viver com essa profusão de sentimentos no interior, que mas parece construir um ciclone extratropical, isso é um absurdo. Não construí nada e o tempo voa contra mim debaixo do sol, preciso aprender que essa jornada reserva muitas surpresas desagradáveis. Foi tentando acertar que acabei com tudo, mas as coisas não dependem de mim, sou apenas um lado desse jogo chamado vida ou melhor, apenas uma peça desse quebra cabeça. Quando a luz atravessar o vitral do meu interior espero que espante todos os fantasmas que insistem em afugentar meu lugar seguro, imagino tanta coisa e tudo se desfaz como um sopro em um dente de leão.

2 comentários em “Desatino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s