Eurotrip: Bruxelas

Eurotrip: Bruxelas

Bruxelas com toda certeza superou todas as minhas expectativas de lugares que havia planejado na viagem. Terra do chocolate, fries, mas muito mais que isso terra da OTAN e nada menos que o Parlamento Europeu.

Bruxelas é uma cidade bem internacional, apesar de os dois principais idiomas falados por lá seja Francês e Holandês, quando chegamos pela primeira vez em Bruxelas na ida para o intercâmbio reservamos um hotel que era localizado na parte que existia mais moradores falando holandês. E na volta do intercâmbio ficamos mais dois dias por Bruxelas na parte francesa. Posso dizer que gostei das duas partes, pegamos os hoteis bem localizados o que nos possibilitou fazer todos os passeios á pé, sem precisar gastar com transporte, só pagamos por transporte nos momentos que precisavamos ir para o aeroporto e vice versa.

Não sei dizer se Bruxelas é sempre bem chuvosa, mas no período que estávamos (Outono) choveu praticamente todos os dias o que foi um pouco ruim, mas não nos impossibilitou de curtir a cidade. Bruxelas tem um ar bem depressivo e gótico, principalmente no centro antigo pelas construções antigas deixa esse ar mais sombrio, mas é lindo ver como era a arquitetura no passado e tudo brilha muito por ter detalhes pintados em dourado. Mas ao mesmo tempo fomos em uma otima época para bruxelas, uma cidade muito movimentada. No Grand Place, um dos pontos mais turísticos de Bruxelas é bem movimentado tivemos a honra de assistir um festival de musicas francesas, que sou grata até hoje de poder ter visto isso, mal sabia que um ano depois estaria eu estudando francês e ter meu cantor francês favorito Julien Dore e ter ido a um show dele antes mesmo de saber da existência dele haha. A vida é uma caixinha de surpresa.

Vale citar que nas ruas localizadas próximas ao Grand Place possuem varias lojas de chocolates belgas que são baratos e ótimos, uma dica muito boa de lembrancinhas. Me lembro de ter pago 10€ em 5 box de chocolate e minha familia amou. Anota esta dica!

Bruxelas é uma cidade barata comparada a Londres e Paris. Me senti frustada um pouco em bruxelas porque as pessoas sabem falar muitos idiomas é bem comum você entrar em grande lojas e ver pessoas com o crachás com uma bandeira da sua nacionalidade e varias bandeiras representando os idiomas que os mesmos falam. Então ser poliglota não é muito novidade por lá, visto que terra do parlamento europeu traz seus benefícios .

Não o irei falar lugares para vocês irem pois o melhor jeito de aproveitar bruxelas é sair andando sem destino e a cada esquina descobrir algo magnífico . Mas tenha power bank sem na bolsa carregada, não faça que nem nós que saímos para uma rápida andada e voltamos meia a noite no meio da chuva sem bateria, tudo fechado ainda bem que eu sou um google maps ambulante e me situo muito fácil e conseguimos voltar ao hotel, sã e salvos.

Eurotrip: Londres

Eurotrip: Londres

O primeiro dia em Londres foi maravilhoso e intenso. Fomos conhecer os principais pontos turísticos de Londres: Big Ben, London Eye, Palácio de Buckingham, St Jame’s Park, Carnaby Street, Lojas (M&M’s e Lego) e a Chinatown.
Você podera ver um pouco de cada uma destes lugares no vlog abaixo!

Londres e gigante e maravilhosa, você pode ficar 10 dias aqui e não conhecer nada de tao grande que a cidade e.

St James Park – Tem vista para London Eye

E aqui vai algumas fotos minhas nestes lugares lindo.

Xoxo,

Viagem Paris : Torre Eiffel

Viagem Paris : Torre Eiffel

 Imaginem a minha emoção ao ver essa belezura, pode ser clichê; mas é o clichê que me fez mais feliz na vida. Poder estar em Paris, poder ver essa paisagem que era meu sonho, realizar ele é mostrar para mim mesma que sou capaz de realizar todos os outros sonhos que tenho.

Obs: Para melhor visualização das imagens, clicar sobre elas para amplia-las.

 Paris parecia me receber de braços abertos, com um céu azulzinho, tempo fresco. Um típico dia parisiense. Fomos a Paris no Outono e amei ver as árvores amarelinhas e o tempo lindo.
 Quando estávamos pesquisando passagens para ir a Europa encontramos uma passagem para Lyon primeiramente em promoção porém acabamos perdendo a promoção na hora de comprar e Capricorniana como sou ja tinha imaginado toda minha trajetória na França, meus passeios em Paris.

Então a princípio não iriamos a Paris (fiquei bem triste), mas como era meu sonho resolvemos que este era o momento para realiza-lo e meu noivo concordou. Estar em Paris não foi só maravilhas óbvio, na minha chegada acabei tendo um contra-tempo que vocês irão saber no video.

Mas nada que comer um croissant ou um crepe de Nutella em Paris não supere, rs. Quando estávamos indo a Torre saímos em um metro perto dela e seguindo o nosso amigos maps, que inclusive não tem uma noção de proporção muito boa de distância em Paris, nos dizia que tínhamos que andar “bastantinho”ate estarmos na Torre.

Quando do nada avistei ela, parecia um sonho. Me sinto realizada por ter vivido isso e saber que de agora em diante me proponho a realizar todos os outros. O mundo vai além dos nosso problemas diários, o mundo é rico em beleza, cultura e bens intangíveis.

E nestes momentos que refletimos que a cada perrengue que passamos por algo que queremos é para nos enfraquecer nos fazer desistir, mas não podemos. Chegar até aqui não foi fácil e não será fácil chegar aos outros lugares, mas a recompensa no final é a melhor coisa do Mundo.

E sobre essa paisagem a noite? É indescritível, é ver para crer. Ah paris, como te amo e como quero revê-la em breve. A cada esquina uma surpresa e uma paixão a mais.

Xoxo,
Ariany

Dicas de viagem para a Europa que ninguém fala

Dicas de viagem para a Europa que ninguém fala

Viajar é uma das melhores coisas do mundo junto com comer e dormir, concordam? Porém sempre é bom saber umas dicas para tornar a viagem tranquila sem precisar passar muito perrengue. Lembrando que é inevitável passar perrengue ainda mais quando é uma viagem para o exterior, aonde você esta totalmente fora da zona de conforto, com um idioma que não é o seu oficial, cultura diferente e etc.. Mas se pudermos evitar ao máximo melhor né?

Selecionei algumas dicas para dar para vocês depois de ter utilizado-as e percebido que a viagem não teria sido a mesma sem elas (e umas que eu poderia ter feito e não fiz é claro, rs).

1. Dependendo do seu tempo de escala você possui benefícios

Na minha viagem que fiz esse ano, eu tive uma escala de longo período em Istambul tanto na ida como na volta e eu só comprei essa passagem pois sabia que eu teria direito a pernoite da companhia aérea.

Em algumas situações, os viajantes classificados como passageiros em trânsito/conexão possuem benefícios, como serviços de hotel e refeição, fornecidos pelas empresas contratadas. Eles serão fornecidos a passageiros da Classe Econômica com parada de mais de 10 horas, e passageiros da Classe Executiva com parada de mais de 7 horas”

Muitas pessoas desconhecem desse direito, mas ele existe. É só você ir no guichê da companhia aérea contratada e solicitar um quarto para pernoite, na Turkish (empresa que viajei) eles fizeram todo o nosso transfer até o hotel e depois o transfer para o Aeroporto no outro dia. Não sei se o deslocamento até o hotel seja obrigação da empresa, mas acredito que sim. Mas só de não passar horas e horas no aeroporto já salva a vida.


2. GoogleMaps seu melhor aliado

Quando comecei a planejar a viagem eu comecei a fazer meu roteiro pelo Google Maps, pela praticidade de ter o aplicativo. Comecei marcando os pontos turísticos que queria conhecer pelas cidade que iria visitar com etiquetas, porque geralmente as cidades possuem muitos pontos turísticos, alguns longe e alguns perto dos outros, e as vezes você não quer ver todos, mas só alguns. Então colocar no mapa o que você realmente quer ver ajuda muito.
Coloque no GoogleMaps os endereços (hoteis, casa, hostel) que você irá ficar, o lugar aonde você irá chegar na cidade e aonde irá sair (aeroporto, rodoviária, estação de trem). Isso te ajudará a não ficar perdido e auxiliará na próxima dica infalível.

O GoogleMaps disponibiliza você baixar os mapas das cidades em offline no aplicativo, isso salvou minha viagem literalmente, pois não precisei ficar comprando chip em todos os lugares para ficar usando o maps, porque não se engane quando dizem que tem wifi por toda a Europa, isso é mito. Lembrando que ele no modo offline te dará somente os caminhos a pé, o que já ajuda muito.
Como eu já sabia onde iríamos no dia, o que eu fazia antes de sair do hotel era pesquisar como ir e como voltar para o hotel com a opções de ônibus e metro, e tirava print. E ai no centro das cidades andávamos com o maps offline tudo a pé, pratico né?

3. Starbucks salva vidas

Qualquer lugar do mundo terá pelo menos um Starbucks que salvará sua vida, pois nele você pode carregar seu celular, ver alguma coisa que precise na internet e é claro, descansar tomando um delicioso frappuccino.

4. Pesquise sobre os meios de transporte do destino

Saber como funciona o meio de transporte para onde você esta indo é essencial, não só de como se locomover dentro da cidade nos pontos turísticos, mas para outros lugares, por exemplo, digamos que você chegará em uma rodoviária no meio do nada, como você vai ir para a cidade ou para o hotel? Pesquise isso com antecedência, levando em consideração que você já tenha esses endereços.
As vezes você pode pensar em pegar um Uber ou um taxi, mas tome cuidado, em Paris cheguei em uma rodoviária tão no fim do mundo e escondida que o Uber não conseguia achar ela. No fim além do metro que tinha no lugar só havia a opção de táxi dentro da rodoviária no subterrâneo. E sim, eu fui de táxi para o hotel e isso me custou €25,00 (aproximadamente R$94,38).

5. Saber o que não pode fazer ou que seja considerado desrespeitoso

Todos os lugares no mundo tem seus costumes, suas crenças e há algumas coisas que são consideradas desrespeitosas e até proibidas que as vezes aonde você mora não são, então pesquise sobre isso.
Na Inglaterra por exemplo, é considerado desrespeitoso por uma questão histórica você fazer sinal mostrando os dois dedos (do meio e o indicador) para frente balançando.
Então minha dica é: pesquise para não cometer uma gafe!


6. Água é coisa séria..

Se você vai para a Europa a dica é: compre um fardo de água para sair sempre com uma garrafinha, mas não vazia! Porque lá tu não encontra bebedouro e nem lugar para encher a garrafinha. 
Durante nosso intercambio fui obrigada a comprar água todo dia, pois literalmente tu não tem água de graça por lá nos lugares.


7. Ande sempre com moedinhas para acesso aos banheiros

Muitos lugares na Europa você precisa pagar para ir aos banheiros, alguns shoppings possuem banheiros grátis mas outros não. Nos estabelecimentos os banheiros são só para clientes então tu é obrigado a consumir para poder pedir a senha do banheiro, e sim, eles possuem senhas para entrar no banheiro!
No geral os banheiros são super baratos, mas vale a pena não esquecer de andar com moedinhas para não atrapalhar sua trip.

Brighton e as casinhas

Brighton e as casinhas

Uma das coisas mais procuradas em Brighton e que se tornou ponto turístico para fotos são essas casinhas que você vai encontrando ao longo da orla da praia. Como Brighton não é uma cidade muito grande mas também não é pequena, é possível fazer tudo a pé.

 *Para melhor visualização com qualidade da imagens, clique nelas.

E como queríamos aproveitar o máximo possível isso era a melhor opção. Resolvemos ir andando até o Pier de Brighton que também é muito famoso. E fomos indo pela orla da praia o que teve seu ponto bom e ruim, rs.

Bom porque rendeu várias fotos lindas e vídeo e ruim pois estava um vento e um frio horrível. Foi muito difícil tirar o casaco para tirar as fotos, rs. E depois fiquei congelada, mas foi engraçado.
É quase impossível andar contra o vento de Brighton, a dica é seja persistente e uma hora tu consegue, rs.

Falando sobre essas casinhas, quando eu via por foto sempre achei que fossem banheiros públicos, não me perguntem o porquê. Mas estando em Brighton descobri que na verdade as pessoas compram essas casinhas para guardar coisas, geralmente itens de praia, cadeiras e etc.. Faz todo sentido, pois as casas na cidade são muito pequenas e tu já deixar as bagunças de praias em uma casinha na praia, te otimiza muito tempo.

Falando sobre o look ele foi praticamente todo brasileiro kk. Calça e camisa são da Riachuelo, óculos da Primark, bolsa chinoca e tênis olympikus, diga-se de passagem que minha viagem não teria sido tão confortável se eu não tivesse ele. Percebe-se o vento que estava olhando para o meu cabelo.

Dica da Ariany, se você estiver indo ou pretende ir a Inglaterra tira um dia para conhecer Brighton, você não ira se arrepender. Brighton fica no litoral sul da Inglaterra, a cerca de 2 horas de Londres de ônibus, mas também existem trem que fazem viagem direta.
Essa cidade é maravilhosa para compras, apesar de Londres existir mais lojas e mais opções, porém opções mais caras, Brighton ganha de lojas baratinhas que amamos.

Intercâmbio + Eurotrip

Foto: Reprodução/Petr Kratochvil

Este ano esta sendo um ano de muitas emoções e realizações na minha vida e como compartilho tudo com vocês, não poderia deixar essa passar. Como algum de vocês já devem saber e inclusive já assistiram o vídeo. 
No próximo mês de Setembro estarei indo fazer  meu intercâmbio de inglês na Inglaterra, estudarei 2 semanas em Brighton e fazerei uma pequena Eurotrip depois disso.Esse intercâmbio estava agendado já faz um ano, não contei antes pois prefiro esperar estar com tudo certo, todos os detalhes. 
Fechei o intercâmbio com a CI de Curitiba do Batel, tudo por telefone e e-mails, super atenciosos. Não estou ganhando nada para falar isso ta pessoas? Nem um descontinho kk 
Então pessoal se tiverem alguma dúvida, sobre valores e destinos. Comentem aqui ou no vídeo que irei gravar um vídeo bem detalhado com valores para vocês!!E se você não assistiu o vídeo ainda, assista ❤